Programa Jovem Aprendiz: Aprendiz do Bem

O projeto “Aprendiz do bem” encaminha os jovens ao emprego, em parceria com empresas e qualifica-os para ingressarem no mercado de trabalho, proporcionando-lhes protagonismo, autonomia e cidadania. 

O projeto visa garantir o atendimento do adolescente e jovem, entre 14 e 24 anos, em situação de risco pessoal, vulnerabilidade social e sob medida protetiva, na condição de aprendiz, através da qualificação profissional, cumprindo as exigências da Lei 10.097/2000, promovendo com a PEDAGOGIA PRESENÇA a sua inclusão social e protagonismo. 

O contrato de aprendizagem é um contrato especial, por tempo determinado, com registro e anotação na Carteira de Trabalho, regido pelaCLT. O aprendiz tem os mesmos direitos de qualquer trabalhador: 13° salário, FGTS, INSS, vale transporte e férias. Ele recebe o salário mínimo-hora ou condição mais favorável, e a sua jornada de trabalho, permitida por lei, é de 4 ou 6 horas diárias, nela incluídas as atividades teóricas e práticas. 

A EMPRESA que contrata um aprendiz cumpre a cota estabelecida pela Lei da Aprendizagem, mínimo de 5% e máximo de 15% do total de empregados cujas funções demandem formação profissional. Esse contrato prevê dispensa de aviso prévio, isenção de multa rescisória ao término do contrato de recolhimento de 2% para o FGTS (redução de 75% da contratação normal). 

Algumas ações que desenvolvemos: 

  • treinamento de aperfeiçoamento profissional
  • acompanhamento pedagógico e psicossocial
  • reunião com os responsáveis
  • acompanhamento do aprendiz na empresa
  • fórum interno de aprendizagem
  • passeios
  • incentivo a projetos extracurriculares (banda e ações beneficentes)
  • parceria com equipamentos da política pública do municipio de Nova Iguaçu (Conselho Tutelar, CRAS, CREAS e Secretaria de Trabalho e Renda)

 

Algumas imagens do projeto